Me siga por e-mail e receba as atualizações do Blog

Monday, June 25, 2012

Oficializando a Candidatura a Vereadora de São Paulo

Hoje foi um dia único, dia extremamente importante na minha vida. Finalmente a Convenção do PMDB, oficializando a Candidatura do Prefeito Chalita e dos Vereadores.


Uma Grande honra para mim fazer parte desta festa incrível!!.


Na política sou uma novata, apesar dos meus quase 40 anos de idade, mas o PMDB tem investido pesado nos seus candidatos a Vereador de São paulo e vem ministrando cursos desde março de 2012, para que seus candidatos tenham além de segurança total autonomia para exercer suas atividades caso sejam eleitos!

De fato esse feito não é comum na maioria dos partidos, além de nos disponibilizar uma ótima assessoria jurídica, para que erros não sejam cometidos somos orientados com frequência em relação as novas regras nas eleições.


Sobre os cursos ministrados pelo PMDB e pela Fundação Ulisses Guimarães temos:
Mídias Sociais, Dicção e Oratória, Legislação e Prestação de Contas. Formação Política e Competências do Vereador, Ética na Política, Assessoria de Imprensa, Marketing Político, além de nos colcoar junto a lideranças para discussões de temáticas (no caso são 15 temáticas: saúde, educação e por aí vai até completar 15 temas), onde discutimos como povo, sobre os problemas do povo e o que poderia melhorar para o povo NA VISÃO DO POVO e não como idealizamos. 


Tá, eu sei vocês nunca viram um partido se dedicar e investir tanto nos seus Vereadores, mas o PMDB está se preparando para fazer a diferença em São Paulo e não apenas para ganhar eleições!! O PMDB é um partido Forte no Brasil e Será cada vez mais Forte em São Paulo com a renovação para melhor que acontece diariamente!





Tenho ORGULHO de ser filiada a um partido tão competente e que fez muita diferença para o nosso Brasil!

Vamos em frente, vamos com Força e com Ânsia em fazer pelo povo aquilo que o povo precisa!!




Em breve vou publicar minha plataforma, faço questão de discutir isso com vocês!!

Boa semana a todos e não deixem de assistir ao CQC (Custe o que Custar) pois existe uma grande possibilidade da minha entrevista ir ao ar!

Monday, June 11, 2012

Invasão

Meu facebook foi invadido e hackeado no dia de hoje.

Em uma discussão alguns participantes da marcha das vadias, que não concordavam com a minha opinião a respeito do nome proposto para e evento deles, alguém, um hacker invadiu meu perfil e deletou o convite para a Marcha das Divas. Também criaram alguns perfis fakes utilizando imagens minhas com frases que eu não escrevi, bem como me ameaçando da marcha não acontecer.

Vai ser muito difícil debater assuntos tão sérios usando fóruns na internet.

Os militantes estão organizados e dispostos a tudo, fica claro também que existem muitas pessoas que apenas se manifestam com a intenção de bagunçar sem ao menos estar interessada nas discussões.

Continuo não concordando com a forma que foi feita a marcha das Vadias, um assunto tão sério e delicado. 
Vou pensar em outras alternativas para continuar com minha luta

Informo vcs por aqui!

Sunday, June 10, 2012

A Marcha das Divas é para vc que não se sentiu a vontade em participar da Marcha das Vadias mas tem vontade de lutar a favor das Mulheres contra Violência Sexual

As causas da Marchas das Vadias são válidas:
contra violência sexual, contra abuso, contra o preconceito da sociedade com a vestimenta feminina... até pela liberdade de amamentar em público

Mas .....prefiro ir vestida!

Não podemos esquecer que até para pedir respeito temos que ter respeito!

Vamos lutar sim pelos direitos das mulheres, pela igualdade salarial e social, pela liberdade sexual e de expressão, mas de forma respeitosa e coerente, porque do contrário vira bagunça, baderna!!

(a pedidos o texto inicial foi modificado com a intenção de não ofender mulheres que lutam pela mesma causa!!)

Wednesday, June 06, 2012



Diva não é Vadia? 


Samantha Moraes, a escritora que relatou no livro Depois do Escorpião, o drama e a experiência de ter sido trocada pelo marido pela prostituta Bruna Surfistinha se envolveu em uma nova polêmica.
Desta vez, ao invés de um programa de TV, o palco da discussão foi o twitter. Ao comentar o seu repúdio pelo movimento Marcha das Vadias, amplamente divulgado pela mídia e que aconteceu em algumas cidades brasileiras na última semana, entre elas São Paulo e Rio de Janeiro, Samantha passou a receber algumas mensagens mais calorosas  de apoiadores do evento, a qual a escritora havia criticado em mini blog pessoal.
A maior parte das mensagens trocadas por Samantha e os simpatizantes da Marcha das Vadias apresentava conflito entre o que seria o real interesse proposto pelos organizadores da mobilização e suas participantes que, segundo a escritora, “vulgarizaram a iniciativa” desfilaram seus corpos nus com frases fúteis pintadas sobre a pele.
“É uma espetacularização do vulgar. É uma afronta as mulheres inteligentes que lutam por seus direitos. Não julgo o mérito do que o evento busca debater. Os temas são sérios. Aborto, abuso sexual, liberdade de expressão, corporal, igualdade, enfim, o que uma mulher pode conquistar quando expõe seu corpo em público de modo tão explícito e vergonhoso? Qual é a credibilidade desta manifestação se não representa a percepção de uma grande maioria dos indivíduos do sexo feminino? O debate perde a validez quando o seus participantes exigem respeito para sua causa, mas agem de maneira totalmente desrespeitosa em público. É uma desinteligência sem tamanho”, argumenta Samantha

O bate boca no twitter na última semana movimentou pessoas favoráveis a maneira como o evento está sendo realizado há dois anos no Brasil e opositores que, igualmente a opinião de Samantha, criticaram a vulgarização do corpo feminino feita durante a marcha.

Algumas hash tags provocadas pela escritora na discussão sobre o assunto chegaram a ter retuitadas pelos usuários em suas timelines. #DIVANAOEVADIA #PRATERRESPEITONAOPRECISOMOSTRAROPEITO foram as mais frases amplificadas pelos internautas. E um determinado momento, a apresentadora do SBT, Lola Melnick, chegou a opinar, mesmo que timidamente.
“Acho importante e necessário. Protestar com roupa no corpo e mais útil!”, tweetou a bela loura do canal de Silvio Santos

Samantha Moraes promete levar mais à fundo a discussão e propõe um novo plebiscito para discutir o real valor da ainda tímida Marcha das Vadias.

“É uma modinha que a mídia acaba divulgando e as pessoas sem muita consciência acabam confundindo. Mulheres nuas gritando nas ruas para chamar atenção de temas tão sérios e complexos, podem virar notícia, mas, não retratam o desejo da maioria das pessoas que discutem de maneira mais séria sobre as questões levantadas. A Marcha das Vadias não tem a menor credibilidade para ser um fórum de discussão de assuntos tão sérios e que as mulheres precisam ser fortes e inteligentes para promover mudanças significativas e favoráveis as causas. Não acho correto ter o adjetivo de vadia implícito ou explicito nas mobilizações femininas. Que tal Marcha das Divas? Este sim seria um adjetivo mais reticente e que encorajaria mais adeptas orgulhosas ao movimento” defende Samantha

A jovem escritora pretende organizar um evento no dia 17 de junho através de apoio das redes sociais e de seus adeptos.
“Vamos nos reunir na Marcha das Divas. Mulheres inteligentes lutando por ideais e no salto alto. Com classe e dignidade! Vai ser também um protesto a essa modinha de importar modelo estrangeiro de manifestação. As causas são válidas sim. Preocupantes também. Mas tem que ter credibilidade. Esta imagem que passamos aos países do exterior de que a mulher brasileira é sexual e vulgar tem que acabar. Acredito que as mulheres brasileiras gostariam de ser reconhecidas mais como Divas do que Vadias. Estou colocando a minha cara a tapa e convoco outras mulheres com o mesmo pensamento que o meu. Tenho fé que teremos uma boa repercussão” finalizou

A Marcha das Vadias vem sendo realizada no Brasil há dois anos. Sua inspiração vem de uma mobilização estudantil ocorrida na cidade de Toronto, no Canadá. Eles decidiram protestar contra o depoimento de um policial que, em uma entrevista, afirmou que mulheres são estupradas porque se vestem como vadias. O estudantes repudiaram  a argumentação do policial opinando que a inversão dos valores onde a vítima, acaba sendo a culpada pelo crime cometido contra si mesma, pela sua maneira de se vestir ou de se expressar, acaba dando justificativas para a violência contra as mulheres. Este ano, foi a segunda manifestação do evento no país. Em São Paulo, a Marcha das Vadias levou mais de 500 pessoas no último 26 de maio. No Rio Janeiro, alguns participantes mais exaltados, tentaram invadir uma igreja, exigindo uma reação mais ostensiva da Polícia Militar





Tuesday, June 05, 2012

O que acham?

O que acham de fazer uma gravação comentando os e-mails.........
Exemplo, você me manda um e-mail colocando o seu problema, e eu o respondo em vídeo e deixo aqui CLARO QUE PRESERVANDO NOMES, LOCAIS E DETALHES QUE POSSAM IDENTIFICAR A PESSOA.

Penso muito nisso porque as vezes fica difícil responder a todos os e-mails da forma como eu gostaria, respondendo dessa forma fica mais fácil de vocês saberem minha opinião em determinados assuntos ou mesmo podem se identificar com a situação e verem que não estão só nessa.

Receber esses e-mails foi essencial para eu rever meus valores e retomar minha vida. Percebia que existiam pessoas que as vezes tinham problemas maiores que o meu, porque um problema para um pode ser uma coisinha leve e para outro um transtorno.

Me fez bem saber que eu não era a única, que outras pessoas sentiam o mesmo que eu e respondendo a essas pessoas fui me fortalecendo. Não é  atoa que exitem os N.A.´s da vida.

Então o que acham de fazermos o D.A.´s Desabafos Anônimos?
Me escrevam samanthamoraes@hotmail.com